Entrevista com Eduardo Monkey

O nosso entrevistado de hoje é o EZbrewer Eduardo Monkey. Ele começou a fazer cerveja já 7 anos e não parou mais.Hoje, ele tem a sua própria marca, a Siriú Cerveja Artesanal, encontrada nas altas temporadas na praia do Siriú, que fica em Garopaba em Santa Catarina.

1 –Quais foram os motivos que te levaram a produzir sua própria cerveja?

Curso para iniciantes e um grande amigo meu que já sabia fazer cerveja.

2 – E como a sua produção começou?

Após dominar o processo produtivo (conseguir tocar uma brassagem sozinho) comecei a produzir uma receita própria e exclusiva para o restaurante de um amigo. Como a aceitação foi muito boa resolvemos criar a marca Siriú Cerveja Artesanal.

3 – Como é a sua produção hoje em dia?

Sazonal (apenas na temporada de verão).

4 – Qual você considera a melhor parte de ser um cervejeiro?

O prazer, a glória.

5 – E qual foi a sua maior conquista neste universo?

O reconhecimento das pessoas que vem à praia do Siriú especialmente para experimentar a cerveja e não saem decepcionados (eu acho rsrsrs).

6 – Como era a sua produção antes da chegada da EZbrew?

Com um ótimo equipamento rudimentar (engenhoca) mas era muito trabalhoso pela sujeira e problemas normais de produção.

7- Em que a EZbrew melhorou a sua produção?

Facilitou muito o processo! Não tem como comparar o antes e o depois. Hj é um prazer fazer cerveja.

8 – Como a sua EZbrew contribui para a sua cervejaria?

Descomplica a produção. Hoje quando me preparo para uma brassagem com a K60 sei que as incomodações da produção serão poucas ou nenhuma. Ao contrário do outro equipamento, onde eu sabia que iria sofrer, e muito, numa brassagem.

9 – Se um amigo te perguntasse se deve adquirir um equipamento da EZbrew, o que você diria a ele?

O equipamento K60 é excelente. Serve tanto para produção caseira quanto para uma pseudo produção pra bar. Mas é importantíssimo (fundamental) que se tenha domínio do processo produtivo. A máquina é excelente pra quem sabe tocar um processo produtivo. Não serve para leigos no assunto (pessoas que acham que acham que a K60 é como aquelas panificadoras em que basta colocar os ingredientes e ligar que o pão ficará pronto em determinado tempo.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *