Principais diferenças entre cervejas artesanais x cervejas mainstream?

Saudações, amigo cervejeiro!

Se você parar apenas alguns segundos para pensar, certamente vai se lembrar de pelo menos cinco, talvez até dez marcas de cerveja amplamente conhecidas que você já experimentou. Mas você sabe dizer quais são as diferenças entre essas bebidas presentes no mainstream e as cervejas artesanais?

Sem dúvida há um universo que separa uma da outra, com enormes vantagens para a bebida artesanal. É como comparar uma comida caseira quentinha e bem feita em casa com uma refeição comprada pronta no mercado. Ou seja, há diferenças, mas não há comparação!

O Blog da EZbrew é um espaço para a troca de ideias entre nós cervejeiros e também de muita informação. Então vamos lá para os principais pontos que diferenciam as “cervejas de mercado” e a nossa cerveja artesanal. Vem com a gente!

Veja também: Passo a passo para fazer uma degustação de cerveja como um profissional

Processo de produção

Essa é uma diferença mais evidente. Enquanto as marcas do mainstream têm um processo industrial de produção, as caseiras são feitas de forma artesanal. Nesse ponto é importante entender o que é o processo de produção em massa.

A indústria busca otimização de produção, ou seja, produzir mais em menos tempo. Isso significa um aceleramento de processos como a fermentação e a maturação. Quanto mais rápido forem esses processos, maiores serão a produção e o lucro das grandes cervejarias.

Por outro lado, no processo artesanal o cervejeiro faz tudo a seu tempo. Ele “curte” fazer a cerveja e isso faz mais diferença do que pode parecer. Controlar o tempo de cada etapa de produção vai tornar o produto final diferenciado e, convenhamos, isso é muito bacana!

Veja também: Drinques de cerveja: receitas que você precisa conhecer

Escolha dos ingredientes

Não é só o processo de produção que diferencia as cervejas mainstream e artesanais. Na produção em massa, por exemplo, há a adição de ingredientes como estabilizantes, antioxidantes e conservantes.

Já nas nossas receitas usamos os tradicionais ingredientes água, malte, lúpulo e levedura, além de, talvez, alguma fruta ou um outro ingrediente que represente um ganho de aroma e sabor. Sempre com ingredientes selecionados com cuidado e carinho

Veja também: Frutas e cerveja: dicas para fazer combinações perfeitas

Uma nova experiência

Aliás, o controle sobre o aroma e o sabor é um dos pontos mais altos da cerveja caseira. Tudo no processo caseiro faz diferença, desde a escolha dos ingredientes, passando pela torragem dos grãos e pelos tempos de fermentação e maturação.

Outra vantagem é poder escolher exatamente a receita que você vai fazer. Você pode optar por uma receita literalmente medieval, conhecendo um pouco melhor a história da humanidade, ou fazer uma cerveja mais moderna, com tons frutados.

A escolha do produto que será consumido quando estamos falando sobre cerveja artesanal é toda do cervejeiro, nunca de um mercado consumidor que impõe um determinado tipo de sabor.

Veja também: Histórias das mulheres na cerveja

Encontre o seu tipo de cerveja preferido

Conhecimento é a chave para dar um salto de qualidade na forma como bebemos. Saber degustar os melhores produtos, sempre respeitando os limites, é criar uma cultura de bebida muito mais responsável.

Quer saber mais? Conheça o Canal da EZbrew no Youtube, navegue pelos equipamentos e acessórios EZbrew, escolha os seus ingredientes preferidos e prepare-se para os melhores brindes da sua vida!

Saúde a todos nós!

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *